Vitória vira ano sem reforços

Ricardo David. Foto: Maurícia da Matta.

Os torcedores do Esporte Clube Vitória estavam acostumados com os “pacotões”  de contratações do final de ano, prática realizada pelas últimas administrações que passaram pelo clube. O novo presidente, Ricardo David, confessou que não concorda com esse tipo de apresentação e prefere realizar contratações ao longo da temporada, fugindo do “costume” Rubro-negro.

A direção entrou o ano de 2018 sem apresentar qualquer reforço ao seu torcedor. O comandante do futebol, Erasmo Damiani, confirmou a saída dos atletas Fred, Alan Costa, Gefferson, Alan Costa, Danilinho, Renê Santos e Thalysson. Além da confirmação da renovação do contrato de Uillian Correia por dois anos, uma das principais peças do Vitória no ano de 2017.

Devido a venda de David para o Cruzeiro, o Vitória deve anunciar ao longo da semana dois jogadores vindos do time mineiro, especulações dão conta que um dos atletas envolvidos na negociação é o zagueiro Douglas Grolli. Ainda no ramo das apostas, podem ser anunciados essa semana o lateral-direito Lucas (Palmeiras) e o atacante Denílson (São Paulo).

Outra negociação que desperta o sonho do torcedor do Leão é o retorno do argentino Escudero, atualmente no Vasco da Gama. A imprensa carioca assegura que o Vasco quer o atacante Kieza e estuda oferecer o argentino para direção do Vitória.

Osvaldo Barreto
Sobre Osvaldo Barreto 1010 Artigos
Advogado. Estudante de Jornalismo (Estácio). Editor, colunista e repórter do Resenha na Rede. Apaixonado pela escrita e pelo Rubro-negro.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*