Vitória da Conquista faz parceria para trazer jogadores Árabes

Está prevista para o início da próxima semana a chegada de três atletas que atuaram pelo Al Wehda Club

Foto: Divulgação/ECPP

@ResenhaNaRede

Não é de hoje que jogadores Árabes migam para Bahia, em especial para o sul do Estado. Desde 2005, quando foi fundado, o Esporte Clube Primeiro Passo, ou melhor, o Vitória da Conquista, tinha entre seus principais objetivos, realizar um trabalho de base para revelar novos jogadores. Por isso, investir na base era uma peça fundamental, que, entre outras coisas, poderia abrir novos horizontes para o clube através de parcerias.

Durante este período, diversos jogadores foram revelados e encaminhados para clubes importantes do futebol brasileiro e mundial, como Internacional, Cruzeiro, Fluminense, Ponte Preta, Atlético Paranaense, Atlético de Madri, entre dezenas de outros. Além dos que saem, o clube se tornou referência para atletas que estão iniciando carreira, e vários já vieram inclusive de outros países como Japão, Colômbia e Bolívia. Agora é vez do ECPP receber três atletas vindos da Arábia Saudita.

Foto: Montagem

Está prevista para o início da próxima semana a chegada de três atletas que atuaram pelo Al Wehda Club, que é treinado por Fábio Carile ex-Corinthians e que tem e seu elenco atletas conhecidos no futebol brasileiro, como Marcos Guilherme ex-São Paulo, Renato Araújo ex-Fluminense/RJ, Régis ex-Bahia e Otero ex-Atlético Mineiro.

Desembarcarão na cidade o volante Alla, o lateral direito Khalid e o zagueiro Abdulhaman para uma experiência até o final do ano. Também virá a Conquista para conhecer as instalações do clube o Treinador Fawzi, que permanecerá na cidade por uma semana. Atletas e treinador são agenciados pelo agente FIFA Ibrahim Moussa.

Foto: Ascom/Juazeirense

Essa parceria está sendo feita graças a participação importante do treinador Luis Antonio Zaluar, que também ficará uma semana na cidade. Zaluar é conhecedor do trabalho do ECPP e já trabalhou no futebol baiano dirigindo a Juazeirense na Série C do Campeonato Brasileiro e Campeonato Baiano 2018. Ele deu seus primeiros passos no Botafogo do Rio de Janeiro. Depois, passou por diversos clubes brasileiros seguindo a carreira, comandando o Campinense-PB, Londrina-PR, Joinville-SC, Vitória-BA, Paysandu-PA, Fluminense-RJ, Fortaleza-CE, Caxias-RS, entre outros.

Chegou a treinar a Seleção Brasileira de Futebol Feminino, em 1991. Também teve uma passagem pelo continente europeu, quando treinou o Nacional da Madeira, de Portugal. Mas o treinador é conhecido também pelas passagens em clubes da Arábia Saudita, Qatar, Emirados Árabes Unidos e Bahrein. Ao todo, Zaluar passou cerca de 22 anos no Oriente Médio, entre muitas idas e vindas ao futebol brasileiro.

“Essa parceria tem uma grande importância, pois abrirá novos horizontes para o clube e quem sabe no futuro ampliar ainda mais esta parceria. Será um momento de crescimento não só para estes jovens atletas, mas para nós, que poderemos aprender um pouco mais sobre diferentes culturas”, disse o presidente do Bode, Ederlane Amorim.

Eduardo Dias
Sobre Eduardo Dias 92 Artigos
Estudante de Jornalismo (Estácio), amante do futebol e da cultura nordestina. Colunista e Repórter.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*