(Foto: Felipe Oliveira/ EC Bahia).

O Bahia recebeu e Juazeirense pela segunda rodada do Campeonato Baiano e impôs uma goleada maiúscula. A equipe, que tinha jogado com um time “alternativo” na estreia do Baianão, usou os jogadores do time titular e venceu por 7×1.

PRIMEIRO TEMPO 

O Bahia já começou a partida ditando o ritmo do jogo, com uma chance logo os quatro minutos, quando Gregore quase abriu o placar, com a bola desviando na defesa da Juazeirense e indo para a escanteio. Foi do escanteio cobrado por Artur, aos cinco minutos, que o Bahia abriu o placar, após Moisés cabecear para o gol.  

E o Bahia continuou colocando pressão em cima da Juazeirense, com a chance de ampliar logo no minuto seguinte. Artur chutou, Douglas Pires espalmou e na sobra, Gilberto cabeceou na trave.  Aos dez minutos, após cruzamento de Nino Paraíba, Emílio estica o braço e o juiz marca pênalti para o Bahia. Gilberto cobra e faz o segundo do Bahia.  

A Juazeirense deixou muito espaço, fazendo o Bahia ditar e escolher qual o ritmo de jogo era melhor para a equipe. Moisés ainda teve a chance de fazer o terceiro, mas acabou se atrapalhando.

Mas a melhor chance perdida pelo Tricolor na primeira etapa foi de Guilherme, que recebeu cruzamento rasteiro de Flávio e perdeu o gol sozinho na pequena área.  

A Juazeirense ainda conseguiu chegar duas vezes, mas desperdiçou as duas oportunidades.  

SEGUNDO TEMPO 

Se o primeiro tempo do Bahia já encheu os olhos do torcedor, o segundo foi ainda melhor. O Bahia continuou ditando o jogo e com menos de um minutos de bola rolando na segunda etapa, fez o terceiro com Artur, que aproveitou a sobra da bola após confusão na área da Juazeirense. 

Aos oito minutos, foi a vez de Jackson balançar as redes, fazendo o quarto do Bahia, após o goleiro Douglas Pires espalmar a bola chutada por Rogério. E logo em seguida, aos 11 minutos, Shaylon deixou a marca dele e fez o quinto do Bahia, com um verdadeiro golaço.  

Apesar das mudanças da Juazeirense, o Bahia continuava mandando no jogo. Aos 26, mais um pênalti para o Bahia, após Jacó tocar a bola com o braço. Na cobrança, Guilherme, que finalizou com frieza e fez o sexto do Tricolor de Aço.  

O Bahia continuou pressionando e criando boas oportunidades. Já no final do jogo, aos 40 minutos, de pênalti, Ewerton diminuiu para os visitantes. Mas aos 42, o Bahia fez mais um com Gilberto, após tabela de Shaylon com Douglas Borel, que havia entrado no lugar de Nino Paraíba.  

FINAL DE JOGO 

Bahia 7×1 Juazeirense  

O Bahia vence a primeira no Baianão de maneira espetacular, fechando com chave de ouro o dia do torcedor tricolor, que já estava em êxtase com o retorno de Fernandão.

O Bahia volta a jogar em casa na quarta (30), quando encara o Bahia de Feira. Já a Juazeirense joga novamente fora de casa, enfrentando o Jequié, domingo (27). 

 

 

parceiro oficial

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui