“Temos que ter a convicção de quem estamos trazendo, satisfação da torcida é um pouco relativa”. Entrevista com Erasmo Damiani, novo diretor de futebol do Esporte Clube Vitória

Foto: Osvaldo Barreto/Resenha na Rede

A direção Rubro-negra convocou coletiva de imprensa para apresentar o novo responsável pelo departamento de futebol do clube. Na oportunidade, o dirigente Erasmo Damiani, 52 anos, tratou dos assuntos do inicio de temporada do clube, além de falar sobre a saída e chegada de jogadores no Esporte Clube Vitória. Acompanhe os posicionamentos do diretor de futebol e do presidente do clube.

Bastidores do futebol profissional

Estamos há seis dias, o mercado tem muita especulação e poucos contratos concretos, é um perídio complicado devido as festas. Todo atleta contratado sairá no site oficial do clube, a partir da assinatura do contrato.

Nosso time do sub-20 vai nos render bons atletas. Dentro do nosso planejamento, ao final da temporada 2018, quero ao menos 11 atletas compondo o time profissional.

Situações contratuais

Temos algumas coisas encaminhadas, estamos recebendo a situação financeira do clube. Estamos vendo aos poucos. Fred, Alan Costa, Gefferson, Alan Costa, Danilinho, Renê Santos não ficarão. Novas contratações, Mancini alinhou algumas coisas, mas não é tão fácil realizar, existe todo um processo de negociação. Estão saindo jogadores e vamos repor, na nossa reapresentação vamos ter com certeza alguns jogadores contratados.

Os jogadores que tem contrato encerrado nesse final de ano, o Vitória tem interesse na renovação. Mas estamos conversando com os seus representantes. O atleta também tem que entender a situação financeira do clube e não é uma questão só do Vitória, a realidade do futebol brasileiro está mudando, os clubes precisam se readaptar a “bolha do futebol brasileiro”.

David e Tréllez

O representante do atleta vem para conversar, não temos nada oficial em relação ao David ou qualquer jogador. Não estou dizendo que o vice-presidente não está falando a verdade, mas não existe qualquer proposta em relação ao jogador.

Existia uma proposta de renovação do Trellez, da direção anterior, vamos voltar a sentar e conversar com o representante dos atletas para apresentar uma nova situação.

Prioridades

A lateral direitA hoje é um problema para o Brasil, todos os clubes estão atrás de um. Estamos encaminhando com alguns atletas, é uma prioridade do clube. Temos que ter a convicção de quem estamos trazendo, satisfação da torcida é um pouco relativa, por isso buscamos conversar muito com o Mancini, para chegarmos a um alinhamento com o comando técnico.”

Retorno de atletas emprestados

Temos alguns jogadores que estão retornando, alguns jogadores Mancini não conheceu e precisa avaliar o jogador. Em um primeiro momento vamos observar todos os atletas, o Nickson está no Cruzeiro e tem a possibilidade de negociação. O problema é que houve empréstimo e o clube não acompanhava esses atletas.

Prazo de contratações

Não vamos fazer nenhum pacote e a medida que os jogadores forem  acertando, vamos anunciar no site oficial do clube. Vamos fazer uma qualificação do elenco durante todo o período, várias negociações estão em curso, não estamos em correria por prazo para apresentar jogadores, já vimos que isso não dá certo. Os jogadores que chegarem agora farão parte do projeto para o Campeonato Brasileiro, Mancini insistiu em atletas jovens e rápidos.

Estamos avaliando a base, para ver se existem jogadores que podem ser fornecidos ao elenco profissional, tem que ter espaço no nosso plantel para nossa base, não existirá moeda de troca com jogadores da base.

Gestor de Futebol para as categorias de base

Assumimos na quinta-feira e elegemos três prioridades: Aprofundamento na situação financeira do clube, a negociação dos atletas que acabaram contrato, contratação de atletas.

A base permanece com a estrutura que encontramos e não vamos mexer ainda nesse aspecto.

Situação financeira 

Encontramos uma situação do clube pior do que imaginávamos, nosso diretor financeiro, Francisco Salles, está ai para comprovar isso. Mas não será impeditivo para realizarmos nossas contratações e deixamos claro que não precisamos negociar nossas peças como David e Tréllez para equacionar as contas.

Vamos buscar medidas alternativas para gerar receita, tive reunião com três possíveis patrocinadores ao longo da semana, a vinda de receita é uma das nossas prioridades.

Parceria com o Atlântico

Esse assunto não foi tratado ainda de maneira prioritária, estamos há seis dias e não chegamos ainda nesse ponto.

 

Osvaldo Barreto
Sobre Osvaldo Barreto 825 Artigos
Advogado. Estudante de Jornalismo (Estácio). Editor, colunista e repórter do Resenha na Rede. Apaixonado pela escrita e pelo Rubro-negro.

1 Comentário

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*