Será o fim do tabu? Por vaga na Sul-Americana, Bahia precisa quebrar jejum de sete anos sem vencer o Fluminense

Bahia não vence o Fluminense desde 2011.

(Foto: Felipe Oliveira/ EC Bahia)

Bahia e Fluminense se enfrentam nesta quinta (22), em jogo válido pela 36ª rodada do Brasileirão. As duas equipes ocupam o meio da tabela e precisam da vitória para garantir vaga na Sul-Americana de 2019.

Bahia

Parece que a derrota para o Atlético-MG no último sábado (17) não abalou a confiança da equipe de Enderson Moreira. Na coletiva da tarde de hoje, o treinador destacou a importância de levar o time para a Sul-Americana do ano que vem, deixando claro que o as metas do clube são mais importantes que suas metas pessoais.

“Acho que a gente vai cumprindo etapas. A gente queria ficar fora da zona de rebaixamento. Estamos agora com possibilidade de confirmar a Sul-Americana. Se a gente conseguir isso, vai buscar outra coisa. A gente ainda queria estar na briga pela pré-Libertadores. Não me preocupo muito com metas pessoais, mas com metas do clube. Essa questão pessoal é muito menor que a questão do clube. Eu não me atenho a essas questões dos números pessoais. A gente pensa no clube acima de tudo.”

Treinador não sabe se vai começar com Gilberto e Edigar Junio. (Foto: Felipe Oliveira/ EC Bahia)

A equipe ocupa hoje a 12ª posição a tabela, com 44 pontos. Caso vença o Fluminense, que hoje tem 42 pontos, o Tricolor abrirá uma distância de cinco pontos com relação ao próprio Fluminense e deixará praticamente carimbada a vaga na Sul-Americana do ano que vem. Mas para alcançar tal feito, o Tricolor de aço terá que quebrar um tabu de sete anos sem vencer o Fluminense. O último triunfo foi justamente em Salvador, no Estádio de Pituaçu, em setembro de 2011. Naquela ocasião, o Bahia venceu por 3 a 0. De lá para cá, foram nove jogos e nenhuma vitória do Bahia.

Para o confronto, Enderson parece repetir parte do time que entrou em campo contra o Atlético-MG. Gilberto e Edigar Junio ainda são dúvidas para a partida.

“Acho que tivemos tempo suficiente para recuperação dos atletas. Estão bem melhores. O que quero observar um pouco é o Edigar Junio. Os outros conseguiram se recuperar bem. Só o Edigar que quero dar uma olhada. Já estão muito melhor. Jogamos domingo o Ba-Vi, depois quarta-feira contra o Ceará e em seguida o Atlético-MG, que não pudemos contar com vários atletas”, disse o técnico tricolor.

Fluminense

O Fluminense é o 13º colocado no Brasileirão, com 42 pontos. Caso vença o Bahia, o Tricolor das Laranjeiras chega aos 45 e passa o próprio Bahia e o Corinthians. Mas o treinador Marcelo Oliveira não contará com o volante Richard, suspenso, e Airton, que está lesionado. Dodi deve ser escalado para o confronto. Além dos dois citados acima, o técnico também não poderá contar com Ibañez, Gilberto, Pablo, Dyego e Pedro.

 

 

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*