Semifinal do Fut7 serie A

Foto: Jonathan Sousa/Resenha na Rede

No último sábado (5), aconteceu a semifinal do Campeonato Baiano de Fut7. Camaçari, AEBA, Imbuí FC e Vitória corriam por vagas na grande decisão da modalidade futebolística que é um sucesso em nosso país.

 

Foto: Resenha na Rede

No primeiro jogo da noite, duas grandes equipes doelaram, Camaçari x Aeba. O jogo começou quente, com um leve favoritismo do Aeba que vinha da disputa do Campeonato Brasileiro Etapa Nordeste, onde representaram a equipe do Fortaleza. O Aeba chegou a abrir o placar, mas em mais uma noite inspirada do seu jogador Baco, o Camaçari conseguiu logo a virada e se impor no jogo conquistando uma grande vitória por 6 a 4 e garantindo vaga na decisão, esperando o próximo confronto da noite, o grande favorito Vitória contra a jovem equipe do Imbuí.

 

O jogador Wellington do AEBA falou um pouco sobre o jogo e porque sua equipe não conseguiu a vaga na final, citou também a disputa do brasileiro, onde representaram o Fortaleza.

Foto: Resenha na Rede

– Acho que faltou um pouco de vontade da nossa parte, nós entramos um pouco perdidos no jogo, e sinceramente, nossa equipe estava irreconhecível hoje, se a gente jogasse um pouco da bola que a gente sabe, poderíamos sair com a vitória.

– Nossa participação no brasileiro acho que agregou, mas pelo fato da gente ter sido eliminado pesou pra gente, ficamos tristes a gente não conseguiu superar assim muito rápido e atrapalhou um pouco.

 

 

Foto: Resenha na Rede

Fabio, jogador do Camaçari falou sobre a classificação para a final e sobre a belíssima atuação que o time teve, ganhando a partida de 6×4 da equipe da AEBA

– A gente chega com muita vontade, muita determinação, foi um jogo duro, a equipe do AEBA é um time bem preparado, disputou o brasileiro e esta de parabéns, a gente sabia que ia ser um jogo difícil, impomos nosso jogo e graças a Deus chegamos na final.

– A gente conseguiu implantar nosso modo de jogo, eles abriram uma brechinha, e graças a Deus conseguimos a classificação.

 

A Grande maioria dos presentes na Arena Imbuí apostavam em um triunfo fácil da equipe rubro negra, que vinha de um vice-campeonato Brasileiro no final de semana passado. Mas por isso o futebol é cativante, o Imbuí, franco atirador na partida, mostrou uma vontade de ganhar incrível, liderado por seu capitão Breno, o seu camisa 8 Guilherme, o seu 10 Júnior, abriram o placar logo no início da partida. Mas do outro lado estava o Vitória, que conseguiu o empate. Na segunda etapa da partida, um herói improvável surgiu, Zilmar, zagueiro camisa 4 do Imbuí, que vinha fazendo uma partida defensivamente impecável, fez o gol do triunfo e classificação para a final do Campeonato Baiano de Fut7.

Agora a experiente equipe do Camaçari encara a jovem equipe do Imbuí na briga pelo título da primeira divisão do Campeonato Baiano de fut7. O Resenha na Rede estará presente trazendo tudo sobre a grande final para vocês.

Foto: Resenha na Rede

O atleta Marlon do Vitoria falou o que faltou pro time rubro-negro conseguir a classificação pra final.

– Infelizmente hoje não deu nada certo pra gente, a gente jogou com a vontade que sempre jogamos e na técnica achamos que daria, e os cara atropelaram a gente na vontade, infelizmente não deu pra gente.

Falou também que o cansaço não foi o maior problema, após um jogo válido pelo Campeonato Brasileiro de Fut7. E o que faltou dentro da partida pro Vitoria confirmar o favoritismo.

– Questão do cansaço não, o que aconteceu é que no Brasileiro a gente foi muito bem e acabou deixando a gente bem confiante pensando que poderíamos ganhar qualquer hora aqui nesse jogo.

– Faltou vontade, como eu falei anteriormente , time sem vontade, apatico, irreconhecível nosso time hoje.

 

Junior, camisa 10 do Imbuí, falou como foi bater um dos times favoritos ao titulo que era o Vitória, e como o Imbuí chega pra essa final da Serie A do Campeonato Baiano de Fut7.

– Da graças ao nosso trabalho, nos esforçamos pra caramba, trabalhamos e vinhemos pra jogar contra eles, cara a cara, sem medo, demos o nosso melhor e graças a Deus conseguimos essa vitoria, importe pra nossa equipe, primeiro ano jogando aqui, desacreditaram da gente, mas conseguimos aproveitar nosso momento como uma alavanca, pra jogar mais pra cima e graças a Deus saímos com a vitória.

– Chega forte, mais forte do que chegamos nessa semifinal, chegamos com humildade, com certeza, com a humildade que a gente chegou até aqui e é bola pra frente, enxergando sempre a final, pra sairmos daqui campeão pra honrar nosso trabalho.

Jonathan Sousa
Sobre Jonathan Sousa 179 Artigos
Estudante de Jornalismo (Estácio). Colunista e repórter dos esportes.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*