parceiro oficial

Em tarde infeliz de Robert, que desperdiçou cobrança de penálti, a equipe do Cajazeiras recebeu o Atlético de Alagoinhas, em Pituaçu, para a primeira final do Campeonato Baiano da segunda divisão. As equipes ficaram no empate em 0x0. A partida de volta é no próximo sábado, no Caneirão, em Alagoinhas.

As equipes fizeram um jogo com poucas chances e pouca velocidade nas jogadas. O Carcará aproveitava os contra-ataques pelos lados do campo, enquanto o Lobo apostava pelo meio, onde conseguiu chegar em duas oportunidades, sem sucesso.

Primeiro Tempo:

Como toda final, Cajazeiras e Atletico fizeram um primeiro tempo truncado, com poucas oportunidades claras de gol. A equipe comandada pelo ‘Rei do Acesso’, Paulo Salles, chegou poucas vezes na área adversária. A chance mais clara foi pela esquerda com o camisa 10, Vitinho, que chutou forte e raspou a trave.

A equipe do interior apostou nas jogadas pelas laterais, principalmente pelo lado esquerdo de ataque. Com bolas alçadas na área, porém, sem muito perigo, o destaque ficou com o foleiro do Cajazeiras que interviu todos os cruzamentos.

Foto: Eduardo Dias/Resenha na Rede.

Segundo Tempo:

No começo de partida, aos 5 minutos, Vitinho foi derrubado na área e o juiz marcou a penalidade. Robert, o atacante goleador não fez juz ao nome e bateu em cima do goleiro, que rebolou novamente para Robert e mais uma vez perdeu a chance de gol. O centro-avante foi substituído minutos depois do penálti.

Em resposta, pela lateral, o Atlético chegou bem, em bom cruzamento na área, a bola passou beirando a linha, não apareceu ninguém para colocar para as redes.

Depois do penálti, o Carcará cresceu na partida e ameaçou o gol do cajazeiras em jogadas de velocidade pela esquerda, mas sem aproveitamento, talvez pela falta de um homem de área mais eficaz.

As equipes, já cansadas, pouco fizeram para tirar o zero do placar. A vaga para a elite do futebol baiano e o título da Série B fica para a próxima partida.

Passando a Régua:

No restante da partida, o time do técnico Arnaldo Lira administrou bem o empate fora de casa e a decisão fica para o próximo sábado (26), em Alagoinhas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui