Palmeiras empata na segunda etapa e mantém tabu de 30 anos

Foto: Felipe Oliveira/ECB.

O Bahia recebeu o Palmeira na tarde deste domingo (16), chegou a sair na frente da equipe paulista, mas cedeu empate dos paulistas na segunda etapa. Com o resultado o Bahia ficou na 14ª colocação no campeonato, com 29 pontos, enquanto o Palmeiras foi aos 47 e se manteve na terceira posição.

O Palmeiras manteve o tabu de não perder para o Bahia em Salvador no Campeonato Brasileiro há 30 anos.

O JOGO

O Tricolor chegou assustando os visitantes logo aos cinco minutos da primeira etapa. Gilberto tentou duas vezes de dentro da área, mas Weverton fez grande defesa salvando o Palmeiras. Na volta, Zé Rafael tentou surpreender e chutou a bola perto da trave esquerda do goleiro.

Jogando de forma mais consciente, o Bahia chegou ao gol aos 17 minutos. Ramires deu lindo drible em Felipe Melo na marca de pênalti e achou Gilberto livre pela esquerda. Dentro da área o atacante mandou de primeira para a rede!

O Palmeiras não conseguia fazer jogadas de aproximação do meio e no ataque. Borja e o Hyoran não conseguiam se aproximar. Com isso, o Bahia pegava todas as segundas bolas.

Devido a dores na panturrilha, Felipão precisou trocar o zagueiro Luan por Antônio Carlos, aos 35 minutos da primeira etapa.

Nos minutos finais da primeira etapa o Palmeiras ensaiou uma reação. Marcos Rocha fez grande jogada pela direita, deu caneta em Zé Rafael e cruzou na cabeça de Borja, que cabeceou por cima do gol.

Segunda etapa

Na volta do intervalo o Palmeiras arriscou aos três minutos. Hyoran cortou bem a marcação e tentou o chute de fora da área, mas a bola desviou na zaga e foi para escanteio.

Aos 12 minutos, nova chegada do Alviverde. Léo fura, Jean ficou com a bola pela direita e fez bom cruzamento. Douglas saiu do gol para socar e acabou levando a pior. Jogo parado para atendimento ao goleiro do Bahia.

O Tricolor tentou chegar aos 22 minutos. Nino Paraíba recebeu com espaço pela direita, cortou para o meio e arriscou de esquerda. Weverton defendeu com facilidade, no meio do gol.

O Bahia tentava ser mais agressivo e encontrava espaços para construir jogadas. Buscando o empate o Palmeiras terminou o jogo com o ataque considerado titular: Dudu, Willian e Borja. Tudo ou nada para a equipe seguir colado na liderança.

As mudanças deram resultado e o Palmeiras chegou ao empate aos 32 da segunda etapa. Cobrança de escanteio de Dudu, Felipe Melo subiu sozinho no meio da defesa do Bahia e cabeceou forte, no fundo da rede do gol de Douglas. É o empate do Palmeiras!

A partida seguiu truncada, sem grandes chances para os dois lados.

FICHA TÉCNICA
Bahia 1 x 1 Palmeiras.
Campeonato Brasileiro – 25ª rodada 

Local: Arena Fonte Nova, em Salvador
Data: 16/09/2018
Horário: 16h
Árbitro: Héber Roberto Lopes (SC)
Assistentes: Henrique Neu Ribeiro e Eder Alexandre (ambos de Santa Catarina)
Adicionais: José Ricardo Vasconcellos Laranjeira e Denis da Silva Ribeiro Serafim (ambos de Alagoas)
Cartões amarelos: Elton (Bahia); Lucas Lima e Bruno Henrique (Palmeiras)
Gol: Gilberto (Bahia)

Bahia: Douglas; Nino Paraíba, Grolli, Lucas Fonseca e Léo; Gregore e Elton (Edson); Ramires, Élber (Marco Antônio) e Zé Rafael; Gilberto (Júnior Brumado). Técnico: Enderson Moreira.

Palmeiras: Weverton; Marcos Rocha, Luan (Antônio Carlos), Gustavo Gómez e Victor Luiz; Felipe Melo, Jean, Bruno Henrique (Dudu) e Lucas Lima; Hyoran (Willian) e Borja. Técnico: Paulo Turra.

 

 

Osvaldo Barreto
Sobre Osvaldo Barreto 1325 Artigos
Editor, colunista e repórter. Produtor do programa Os Donos da Bola (TV Band). Advogado.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*