Diretor explicou planejamento para a temporada 2019. (Foto: Felipe Oliveira/ EC Bahia).

@Resenharede

A aposta da diretoria do Palmeiras no nome de Diego Cerri deve ser concretizada nas próximas horas. Isto porque, o atual diretor do Bahia atende aos requisitos para o novo departamento de futebol do clube paulista. A nova estrutura é pensada para uma pessoa que tenha menos autonomia que tinha Alexandre Matos e esse novo gestor terá que trabalhar com uma equipe indicadas pelo clube.

O nome de Rodrigo Caetano era o preferido pelo presidente Maurício Galliote, mas a rejeição da torcida e o entendimento de que ele é um profissional que precisa ter o comando total do departamento de futebol fizeram com que o nome dele perdesse força.

O comitê gestor do futebol será formado pelos vice-presidentes Paulo Roberto Buosi, Alexandre Zanotte e José Eduardo Caliari, além do diretor financeiro Davi Gueldini e do gerente de futebol Cícero Souza.

Aos 44 anos, Cerri está no Bahia desde 2016, sendo considerado um dos grandes responsáveis pela montagem dos elencos. Ele chegou como gerente de futebol e tornou-se diretor em 2017. Ele conta com passagens em clubes como Ceará, Red Bull, Grêmio Prudente e Grêmio Barueri.

Coláborador: Osvaldo Barreto.

 

 

 

parceiro oficial

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui