Não foi pura sorte

Foto: Divulgação

Mancini retornou ao Vitória e conquistou 10 pontos, com apenas uma derrota para o Avaí. Dois triunfos expressivos trouxeram ao torcedor a expectativa de uma reação no campeonato, contra Flamengo e Corinthians fora de casa o Leão foi competente e fez o torcedor voltar a sorrir.

O time de Mancini ganhou padrão de jogo, o treinador foi capaz de corrigir os erros do sistema defensivo e contar com um setor mais seguro com Caique Sá, Kanu, Wallace e Juninho. Mesmo com toda mudança o time não foi capaz de  sair da zona de rebaixamento, a primeira fase da competição foi muito ruim, dezessete jogos na zona maldita no primeiro turno.

Na última rodada contra o Corinthians, após ganhar por 1 a 0, na Arena Corinthians,  o treinador conquistou o torcedor rubro-negro de vez, quando foi incisivo na resposta ao repórter da Radio Bandeirantes Felipe Garrafa. Antes realizar a pergunta, o jornalista fez uma análise da partida e cometeu o erro de dizer que o Vitória só deu um chute à gol e jogou por uma bola. Mancini foi enfático na resposta e disse que o repórter não tinha assistido a partida ou era corintiano, pois o Vitória teve cinco oportunidade e um gol anulado de forma incorreta, além de destacar o bairrismo da imprensa do Sul com os times do Nordeste.

É sabido que os programas “nacionais” falam praticamente o tempo todo dos times do Rio, São Paulo e Minas, isso na verdade não é nem o problema, afinal, esses times são os que vendem publicidade e garantem o retorno no Ibope. O maior problema está, como pontuado pelo técnico Vagner Mancini, a forma como enxergam a partida, sempre o time do Sul errou, nunca se analisa a superioridade do time nordestino. A proposta de jogo do Vitória foi clara, anular as laterais do Corinthians e roubar a bola pelo meio para o contra-ataque, o que deu muito certo, mérito do treinador ao fazer uma excelente leitura da partida.

Ressalta-se que o treinador conseguiu tirar 4 pontos do Corinthians na Arena, quando esteve na Chapecoense conseguiu empatar por 1 a 1 e agora conseguiu vencer por 1 a 0. Deve ser analisado que o treinador estudou o adversário, não foi uma vitória por acaso, mas um estudo de toda comissão técnica. Bem verdade que o Corinthians criou, mas Fernando Miguel estava em uma grande noite.

Osvaldo Barreto
Sobre Osvaldo Barreto 830 Artigos
Advogado. Estudante de Jornalismo (Estácio). Editor, colunista e repórter do Resenha na Rede. Apaixonado pela escrita e pelo Rubro-negro.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*