Marciel revela que não conseguiu se despedir de Tencati

 

De quatro jogos disputados e com apenas um triunfo, o Vitória vivenciou neste último domingo (19) mais um capítulo dramático em sua temporada. A derrota em casa para o São Bento-SP, por 3×1, culminou na demissão de Cláudio Tencati do comando técnico do rubro-negro. Com apenas dois meses no clube, o treinador comandou a equipe sete jogos, acumulando uma vitória, dois empates e quatro derrotas.

Em entrevista coletiva na manhã desta segunda-feira (20), o volante do rubro-negro, Marciel, se mostrou surpreso com a demissão do treinador. O jogador ainda acrescentou que a equipe apresentou um bom volume de jogo no primeiro tempo, porém não teve o mesmo desempenho na segunda etapa da partida.

”A gente não esperava [a demissão de Tencati]. Equipe estava bem no primeiro tempo. A gente comandou o primeiro tempo praticamente todo. No segundo, a gente deu uma caída. Mas a demissão veio depois. A gente ficou sabendo ontem. Agora é erguer a cabeça e bola para frente. […] A gente não conseguiu se despedir, só mandou um tchau para a gente no grupo”, disse.

O Leão ocupa a 19ª colocação na tabela da competição, na zona de rebaixamento para a Série C do Campeonato Brasileiro, com apenas três pontos conquistados. Para Marciel, a equipe tem plenas condições de reverter essa situação, ressaltando que o campeonato está apenas em seu começo.

“O Campeonato começou agora. A gente está numa fase, no começo. É trabalhar. Não tem outra coisa. Só trabalhar para melhorar essa situação”, afirmou o volante.

O próximo compromisso do Vitória é neste domingo (26), contra o Atlético-GO, às 16h, no Estádio Antônio Accioly, pela quinta rodada da Série B.

 

 

 

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*