Juninho se diz pronto para função no meio de campo do Vitória

Maurícia da Matta/ECV.

A temporada 2018 não foi das melhores para Juninho, lateral-esquerdo do Vitória. Com apenas 17 jogos disputados, a última partida oficial foi na Copa do Brasil, contra a equipe do Corinthians, ainda no mês de abril. O jogador entrou em um processo de lesões após a partida e não retornou mais ao time.

“Foi um ano que gostaria de esquecer, mas não é possível. Posso retirar o aprendizado, espero que 2019 seja bem diferente para mim. Teve um processo muito grande em relação ao que passei ano passado. Eu tive uma cirurgia de hernia inguinal e estava recuperado, acabei sentido o adutor e tive que passar por duas infiltrações fora do clube e meu adutor veio a romper. Eu e o médico que me operou achávamos que a cirurgia da hernia resolveria minha questão e não foi”, disse o atleta.

Segundo o jogador, ele abriu mão de questões financeiras para continuar em 2019 no clube e se diz pronto para disputar espaço na equipe nesta temporada. Juninho chegou ao clube como lateral-esquerdo, mas tem sido testado nos treinamentos como homem de meio de campo.

“O Marcelo Chamusca era auxiliar do Péricles (Chamusca) e joguei contra ele, quando eu ainda estava no Figueirense. Lá jogava na linha de frente e agora estou voltando a posição que iniciei a minha carreira”, afirmou.

O Vitória entra em campo no próximo domingo, quando enfrenta a equipe do Bahia de Feira, líder do Campeonato Baiano. A partida será na Arena Cajueiro, às 16h.

Osvaldo Barreto
Sobre Osvaldo Barreto 1331 Artigos
Editor, colunista e repórter. Produtor do programa Os Donos da Bola (TV Band). Advogado.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*