Guto comemora bom momento de Júnior Brumado

"Eu não tenho como ficar julgando quem critica meu trabalho, eles devem ter as razões deles. Se estão certos ou errados, não cabe a mim julgar, até porque eu nem procuro lê-las."

Guto Ferreira concedeu entrevista coletiva na tarde desta sexta-feira. (Felipe Oliveira/Divulgação/ECB)

Na manhã desta sexta-feira (9), o técnico Guto Ferreira concedeu entrevista coletiva no Fazendão. Gordiola enalteceu o retorno de jogadores como o capitão Tiago ao time e comemorou o bom momento do jovem atacante Junior Brumado e falou sobre as críticas ao seu trabalho no tricolor.

Questionado sobre a importância da volta do zagueiro Tiago, Guto enalteceu o trabalho do jogador em 2017, a sequência neste ano e avaliou o retorno do capitão como muito importante para a equipe.

O Tiago é uma das lideranças do grupo. Um jogador que no ano passado fez um ano muito bom, esse ano vem num crescimento também, vem buscando se estabelecer, se estabilizar como foi o ano passado. Passou por um probleminha, mas o mais importante é que o Bahia está conseguindo, independente de quem esteja dentro do campo, nos últimos jogos se estruturar de tal maneira que o trabalho de cada um que está indo pra dentro do campo tem sido de qualidade e tem ajudado o Bahia a atingir os seus triunfos – completou o técnico tricolor.

Quanto a confiança que tem no jovem atacante Júnior Brumado, Guto foi questionado sobre a troca de atacante no time, se achava que teria errado em não ter feito a troca antes, no início do campeonato.

Não. Acho que tudo tem o seu momento, né?  E o que vocês estão vendo hoje, poderia não está no ponto hoje naquele momento o que está hoje, porque a condição física, o nível de concentração, de confiança ele é momento, tem jogadores que começaram de uma maneira e hoje estão em outro estágio. Tudo é o momento – retrucou Guto.

Guto Ferreira falou sobre as críticas recebidas sobre o seu trabalho. (Foto: Felipe Oliveira/Divulgação/ECB)

Gordiola falou referente a dúvida entre Kayke ou Brumado no ataque tricolor. Comentou sobre o melhor momento de Brumado, e sua sequência de gols, explicando a sua titularidade nas últimas partidas.

Existe o crescimento de cada um e existe o momento de cada um. E  momento de crescimento de quem entra, e começa a dar resultado, estimula quem sai a buscar um algo mais. E essa situação de administração você tem que ter, está sempre desafiando, não só verbalmente, se ele tem um lugar garantido, ele pode se acomodar, entrar em zona de conforto. Não é o caso do Kayke, que briga ainda para se adaptar a estrutura do Bahia, a equipe, ao modelo de jogo e briga para voltar a marcar. Marcou um gol importante lá em Altos-Pi, é um jogador que vem buscando e o Brumado tem a felicidade de já ter marcado duas partidas seguidas, então o momento do Brumado é mentalmente superior. Até porque, quem tem um, não tem nenhum. E quem tem dois, pode ter só um – afirmou Guto.

Guto falou também sobre as críticas que recebe diariamente sobre o seu trabalho. O técnico mostrou ter total confiança em seu trabalho e na equipe e não julgar quem o critica.

Eu não tenho como ficar julgando quem critica meu trabalho, eles devem ter as razões deles. Se estão certos ou errados, não cabe a mim julgar, até porque eu nem procuro lê-las. Eu tenho consciência do que eu quero, tenho convicção do que estamos fazendo aqui dentro do Bahia, porque tudo não passa só pelo Guto, passa pela divisão de ideias, pela divisão de responsabilidades das mais variadas áreas, tem muita gente envolvida, cabe a gente liderar parte desse processo, que é o processo de campo. Existem lideranças acima da gente, existem lideranças abaixo, na somatória de tudo isso o Bahia cresce. O quanto essas criticas são positivas para a gente, o quanto são negativas, cabe a cada um que as tece analisar se a intenção dele é positiva ou negativa e se eles estão corretos nas criticas – completou o técnico.

Eduardo Dias
Sobre Eduardo Dias 63 Artigos
Estudante de Jornalismo (Estácio), amante do futebol e da cultura nordestina. Colunista e Repórter.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*