Geninho afirma que o clube precisa passar por uma reformulação no elenco

Foto: Letícia Martins/ECV.

@Resenhanarede

O elenco do Vitória se reapresenta no segundo dia de Janeiro de 2020, e o treinador Geninho fica, mas só volta aos trabalhos com o rubro-negro no fim de Janeiro.

Com o elenco de férias, mas com a cabeça já pensando na temporada de 2020, a diretoria do Leão já começa a arregaçar as mangas e reformular o time. Depois da saída do lateral direito Matheus Rocha, os jogadores, Chiquinho, Dedé, Capa e Ruy também não renovaram seus contratos e com isso não ficam no clube. Outro que também não fica para o ano que vem é o zagueiro Ramon, a diretoria até tentou renovar com o jogador, porém sem sucesso, o jogador tem propostas e deseja sair.

Na última segunda-feira (2), o técnico Geninho acertou a sua permanência no Vitória, após uma reunião com o presidente do Paulo Carneiro. O treinador concedeu uma entrevista pra falar sobre o acerto, e de acordo com Geninho, o Vitória espera melhorar o orçamento para o ano que vem com a negociação de alguns jogadores que não estão nos planos para a próxima temporada, no caso do meia Yago e do atacante Neilton, que retornam de empréstimo.

O Vitória tem alguns jogadores em negociação, que vão colocar numerário aqui dentro. Estão sendo feitas algumas outras atitudes, algumas situações estão se encaminhando, que nos dão a expectativa de que o 2020 do Vitória seja diferente de 2019. Dentro do que conversei com Paulo [Carneiro, presidente do Vitória], espero que, em curto espaço de tempo, o Vitória tenha uma situação mais tranquila do que aquela em que ele terminou o ano – afirmou.

Para um bom trabalho e voltar para a elite do futebol brasileiro, o treinador afirma que o clube precisa passar por uma reformulação no elenco. Geninho não falou sobre quem chega no clube para o ano que vem, mas diz que já está em conversas com o Alarcon Pacheco, diretor de futebol e o presidente do clube, Paulo Carneiro.

Vamos ter que reformular bastante esse elenco. Já tínhamos conversado sobre isso, independente de minha reforma de contrato ou não. Já tinha me reunido com Paulo, Alarcon [Pacheco, diretor de futebol], com todo mundo, para que a gente começasse a conversar sobre como seria o próximo ano. Está tudo encaminhado. As pessoas que ficam aqui, eu não faço parte das negociações. Apenas digo se o jogador me serve ou não, se aprovo ou não.

Geninho fará um procedimento cirúrgico dividido em duas etapas, por conta disso, o treinador só se reapresenta no clube no fim de janeiro, o elenco rubro-negro volta aos trabalhos no segundo dia de 2020.

Colaborador: João Nery

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*