Federação mantém fórmula para Campeonato Baiano 2020

Fot: Divulgação/FBF

@Resenhanarede

A diretoria da Federação Bahiana de Futebol e os dez clubes da Série A se reuniram nesta terça-feira (12) na sede da entidade, a fim de definir a fórmula do Campeonato Baiano 2020. A competição terá inicio em 15 de janeiro e encerrada em 26 de abril.

A fórmula escolhida é a mesma utilizada no Baianão 2019. Os dez clubes (Esporte Clube Vitória, Esporte Clube Bahia, Sociedade Desportiva Juazeirense, Fluminense de Feira Futebol Clube, Jacobina Esporte Clube, Esporte Clube Jacuipense, ECPP Vitória da Conquista, Associação Desportiva Bahia de Feira, Alagoinhas Atlético Clube e Doce Mel Esporte Clube) ficarão no mesmo grupo, de número 1, na fase de classificação. Com pontos corridos, as equipes se enfrentarão no sistema de jogos apenas de ida, classificando-se para a semifinal as quatro primeiras colocadas.

Na semifinal, os quatro times classificados formarão dois novos grupos. No grupo 2 ficarão o 1º colocado e o 4º colocado da primeira fase. O grupo 3 terá o 2º e 3º colocados. Eles se enfrentarão dentro de cada grupo, em jogos de ida e volta. Os dois vencedores da segunda fase fazem a disputa do título, também em jogos de ida e volta, com o segundo jogo na casa daquele de melhor campanha. O campeão, também havendo empate em pontos e saldo de gols após as duas partidas, será conhecido nas cobranças de pênaltis.

Apenas uma equipe será rebaixada para a Série B de 2021. Com isso, apenas uma vaga na elite será disponibilizada na Série B. Todos os clubes concordaram, porém, em discutir uma mudança no número de vagas para o campeonato de 2021.

O Árbitro de Vídeo está mantido para o Baianão 2020. Também em votação e por unanimidade, os clubes decidiram que o VAR será utilizado apenas nos dois jogos da final do campeonato.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*