Em Pituaçu lotado, Bahia vence o Paraná com dois gols de Vinicius

Bahia vence o Paraná com dois gols de Vinicius. (Foto: Felipe Oliveira/ECB)

@ResenhaNaRede

Pela 29ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série A, Bahia e Paraná fizeram um confronto de tricolores, na noite deste sábado (13), em Pituaçu. O tricolor baiano precisando do resultado para se afastar da zona de rebaixamento venceu a partida pelo placar de  2 a 0. Vinicius marcou duas vezes. Com o triunfo, o tricolor vai aos 34 pontos e assume provisoriamente a 12ª colocação e abre 4 pontos do Ceará, primeiro da zona.

Primeiro tempo: 

O Bahia não começou a partida como de costume quando joga na Fonte Nova. Sem muito pressionar a equipe paranaense, o tricolor pouco chegou nos 10 primeiros minutos. No entanto, quem assustou foi o Paraná, aos 15 minutos, quando fez o goleiro Douglas efetuar grande defesa em boa troca de passes e com uma linda triangulação. Deivid recebeu de Alex Santana e, de frente para Douglas, chutou em cima do goleiro.

Apesar do Bahia ter o domínio da partida nos primeiros minutos, mesmo sem conseguir finalizar com perigo, o time começou a ficar nervoso no jogo. O ataque não conseguia infiltrar a defesa paranaese, e a defesa bateu cabeça em algumas trocas de passes. Na primeira vez que o Bahia chegou ao ataque, Léo recebeu no fundo, sem impedimento, cruzou e Ramires, chegando sozinho na área, cabeceou próximo do travessão. No contra-ataque, Silvinho levou perigo quando tocou para Deivid, que mandou para Grampola chutar mascado em cima de Douglas.

O Bahia insistia bastante nas jogadas pelo lado esquerdo de ataque com o lateral Léo. Mas sem levar muito perigo à defesa do Paraná, Enderson Moreira pediu para o Bahia girar mais a bola e tocar rápido para abrir espaços no adversário. Aos 33 minutos da primeira etapa, o Bahia seguia tentando furar a defesa paranaense, porém, sem sucesso. Élber ainda tentou um chute cruzado, de dentro da área, mas bola passou longe do gol do Paraná.

Após as investidas do tricolor de aço, a partida ficou truncada e com poucas ações ofensivas das duas equipes, com um baixo nível técnico. No finalzinho de primeiro tempo, o Bahia resolveu assustar e arrancar o primeiro “uhhh” da torcida. Em boa jogada pela direita, Ramires cruzou na medida e Zé Rafael, de primeira, chutou rasteiro rente à trave.

Nos acrécimos, Zé Rafael quase marcou em cobrança de falta. A bola passou pela barreira e Richard espalmou para fora. Na cobrança do escanteio, quase um gol olímpico. Ramires cobrou na segunda trave e Richard tirou com as pontas dos dedos. Na sequência, o tricolor desperdiçou a oportunidade. Fim dos primeiros 45 minutos de partida, 0 a 0 entre Bahia e Paraná.

A torcida compareceu em peso ao Pituaçu. (Foto: Reprodução/ECB)

Segundo tempo:

Na volta do intervalo, o Bahia voltou com a mesma equipe que terminou o primeiro. E de cara, chegou assustando. Logo aos 2 minutos, num cruzamento de Bruno pela direita,  Zé Rafael cabeceou para Richard espalmar. E o tricolor começou pressionando, com Léo, Ramires e Zé Rafael. Mais ligado na segunda etapa, pressionando bastante, Zé Rafael voltou para a partida bem mais participativo nos primeiros minutos.

Aos 7 minutos, enquanto o Paraná seguia se defendendo como podia, o Bahia insistia no ataque e conseguia impor jogadas perigosas de ataque. Muitos escanteios para o tricolor. Em respostas a pressão, o Paraná chegou com perigo também. Deivid puxou contra-ataque rápido e tocou para Alex Santana, que ajeitou e chutou colocado em cima de Douglas. Flávio decidiu arriscar. Desta vez de longe, o goleiro espalmou para fora.

Após uma partida abaixo do esperado, o lateral Bruno foi substituído por Vinicius. Com a mudança, o volante Flávio assumiu a lateral direita. A partida seguia morna, com o Paraná se defendendo e o Bahia atacando, mas sem conseguir entrar com a bola dominada na área paranaense. Na primeira participação, Vinicius cobrou falta no meio da área, Grolli se esticou e bola foi por cima do gol.

Aos 30 minutos da segunda etapa, o Bahia não conseguia furar a defesa do Paraná e seguia sofrendo com os contra-ataques da equipe paranaense. Em jogada rápida de Silvinho, Grampola desviou e bola sobrou para Andrey, que errou o chute de esquerda e isolou para fora.

Aos 34 minutos, Enderson decidiu sacar Zé Rafael, bastante vaiado, para promover a entrada de Edgar Junio. Em cobrança de falta perfeita, Vinicius abriu o placar para o tricolor, aos 39 minutos. E não demorou muito para ele ampliar o placar. Aos 44, Léo cruzou da esquerda, a bola desviou e passou por toda a zaga. Vinicius mandou uma bomba cruzada e ampliou. Placar 2 a 0 Bahia.

A partida se encaminhava para mais um empate dentro de casa, até que Enderson e sua mágica colocou Vinicius em campo e ele decidiu a partida. O meia assumiu a responsabilidade e marcou duas vezes, dando o triunfo para o Tricolor de Aço. Final de partida 2 a 0.

(Foto: Felipe Oliveira/ECB)

Passando a Régua:

Com o resultado positivo, o Bahia vai aos 34 pontos, sobe para a 12ª posição e abre 4 pontos do primeiro time da zona de rebaixamento. O Paraná permanece na lanterna do campeonato, contando as horas para a confirmação do rebaixamento. O próximo compromisso do Tricolor de Aço é no próximo sábado (20), contra o Botafogo, às 16h, no Nilton Santos. O Paraná Clube recebe o Flamengo, no domingo (21), às 19h.

Eduardo Dias
Sobre Eduardo Dias 176 Artigos
Estudante de Jornalismo (Estácio). Colunista e Repórter do interior.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*