A semana 7 da “Edição Especial” do Turbilhão Feminino inicia-se contando um pouco da história do São José, clube do interior de São Paulo, em São José dos Campos, que faz parte do seleto grupo de grandes instituições da modalidade. Atualmente, a agremiação ocupa a 5ª posição no ranking nacional de clubes da CBF, possuindo em sua sala de troféus 3 Libertadores e 1 Mundial, dentre outras conquistas.

Sua primeira equipe foi criada por meio de uma parceria junto ao time de futebol feminino montado pela prefeitura para a disputa dos Jogos Abertos do Interior. Contudo, em 2010 o São José Esporte Clube conseguiu angariar patrocinadores que possibilitaram o acesso rumo à elite do Paulistão. A partir dessa temporada, é dado início à trajetória histórica das tricampeãs continentais.

Possuindo uma infraestrutura excelente e apoio financeiro de empresas locais, a equipe conquistou, além dos títulos internacionais mencionados, duas Copas do Brasil e três títulos Estaduais, consolidando-se como uma das gigantes da modalidade feminina. Outro ponto extremamente positivo e memorável, considerando uma necessidade latente no futebol brasileiro, trata-se do grande aporte existente nas categorias de base, onde suas atletas recebem bolsas de auxílio que contribuem efetivamente para a prática da atividade esportiva.

Além das inúmeras conquistas, essa imensa força do interior paulista é celeiro de grandes jogadoras e desde a sua concepção contou com a passagem de craques do quilate de Cristiane, Formiga e muitas outras.

O time que terminou o Campeonato Brasileiro de 2019 na 8ª posição, estava na parte debaixo da tabela na atual temporada. Todavia, foi uma das poucas equipes que não pôde entrar em campo na 5ª rodada, possuindo duas vitórias e duas derrotas até a paralisação do futebol.

*Edição: André Chagas – @turbilhaofeminino

parceiro oficial

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui