Com dirigentes entrando em campo no final, Fluminense encerra primeira fase com um empate

Foto: Reprodução.

Na última rodada da primeira fase do Campeonato Brasileiro da Série D, o Touro do Sertão recebeu o Campinense, jogo realizado neste domingo (27) no Joia da Princesa. O time da cidade de Feira de Santana precisava de uma vitória para garantir a primeira colocação e a vantagem de decidir o primeiro mata-mata em casa. A partida terminou empatada em 1 a 1 e o Flu encerrou com 13 pontos, no Grupo A 8.

Com o resultado, o Touro é o melhor segundo colocado da Série D,  dentre os 68 participantes. O grande destaque do Touro tem sido o seu poderio ofensivo: é o melhor ataque da competição com 18 gols marcados. A defesa também não deixa a desejar e sofreu apenas três gols durante a caminhada do Flu.

O JOGO

Logo no inicio da partida o Touro assuntou. Após boa triangulação no ataque, Hermínio finalizou a primeira contra o gol do Campinense, e a bola passou perto, assustando o goleiro Jeferson.

O Campinense chegou com perigo aos 30 minutos da primeira etapa. Depois de cobrança de falta do Campinense, a bola resvalou na barreira e foi na direção de Thiago Potiguar, livre na área do Flu. Mas aí Levi apareceu e desviou pela linha de fundo.

O Flu chegou três minutos depois. Em mais uma subida do Tricolor ao ataque, Jaílson finalizou e Jeferson fez a defesa em dois tempos. Aos 37, nova chance. Rodolfo soltou a bomba de longe e o goleiro do Campinense salvou o time.

A primeira etapa terminou praticamente em um jogo de ataque contra defesa, com o Fluminense de Feira tendo as melhores oportunidades.

SEGUNDA ETAPA

Focado na partida, o Campinense abriu o placar logo aos sete minutos. Em contra-ataque rápido, Neto passou para Marcinho, na direita. O camisa 10 do Campinense passou para Jorginho, que, de fora da área, soltou a perna e acertou o canto esquerdo do goleiro Andrei, colocando o time paraibano à frente no placar.

Aos 25 minutos quase os paraibanos ampliaram o placar. Kesley recebeu cruzamento da esquerda e bateu de primeira. A bola passou perto.

Aos 39 minutos da segunda etapa o Flu ficou com um homem a mais na partida. Fábio Leite tinha recebido amarelo em seu primeiro lance em campo, quando fez a segunda falta, o juiz expulsou o jogador.

Um minutos depois o Flu quase chega ao empate, Bambam, que entrou no segundo tempo,  ajeitou para Rodolfo, que chegou batendo. A bola foi pela linha de fundo.

O volante Rodolfo foi para o chuveiro mais cedo aos 43 minutos e deixou as duas equipes iguais em número de atleta.

Aos 50 minutos da partida gol do Touro!!! Após cobrança de escanteio, o goleiro Jeferson fez uma boa defesa, mas, no rebote, Eduardo manda para as redes e deixa tudo igual no placar.

No final da partida os dirigente do Flu entraram em campo para reclamar. O árbitro da partida apenas observou e deve relatar na súmula da partida.

FLUMINENSE DE FEIRA: Andrei, João Carlos, Ranieri, Eduardo e Marcelo; Rodolfo,Diego Aragão,  Moreilândia e Jaílson; Hermínio e Levi.

CAMPINENSE: Jeferson, Beto, Willian Goiano, Rafael Jensen e Zeca; Jorginho, Gustavo Henrique, Neto e Marcinho; Rodrigo Silva e Thiago Potiguar

ARBITRAGEM:Árbitro principal: Marcelo Alves dos Santo Assistente 1: Jackson Timoteo Lopes Assistente 2: Eduardo Teodoro Rodrigues

 

Osvaldo Barreto
Sobre Osvaldo Barreto 1126 Artigos
Advogado. Estudante de Jornalismo (Estácio). Editor, colunista e repórter do Resenha na Rede. Apaixonado pela escrita e pelo Rubro-negro.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*