Acervo Pessoal/ Solange Grasseti

Até onde vai o amor de mãe (ou pãe)?  Se tem algo difícil de mensurar  é o tamanho desse sentimento  tão profundo. Mas o que não faltam são demonstrações incríveis de dedicação que, para qualquer reles mortal, soaria como uma grande loucura. Daí notamos que a velha frase clichê sobre “padecer no paraíso” realmente faz sentido.

Conversamos com Dona Solange, mãe da jogadora Otti do Palmeiras, e o resultado foi essa linda carta aberta de mãe para filha:

Filha, o início da sua trajetória  foi um pouco difícil. Lembro do seu começo na Ferroviária e o quanto era longe de onde morávamos, um dia da semana eu te levava de carro, te esperava e voltávamos.  No outro dia você ia de ônibus,  saia de casa onze da manhã e só chegava  em casa meia noite.  Muito sofrido , mas superamos juntas. No ano seguinte, já alojada , ficou mais fácil, em termos porque tinha a saudade . Porém, sempre que dava nós íamos te ver ou esperávamos a sua vinda pra casa, assim tivemos que nos acostumar com a distância.

Apesar disso, valeu! Ahhh… momentos incríveis!  Todo jogo, se falassem o seu nome era uma alegria, isso até hoje! E se marcasse um gol aí já chorava de felicidade, como nas convocações que você teve pela seleção sub-17 e sub-20. Parecia que eu ia explodir, todos esses momentos me deram alegria! Os mais difícil era a saudade. Recentemente, o mais difícil foi a lesão que você  teve no final de 2019, mas, graças a Deus, agora você está bem!

Foto: Nicoly Aprigio/ Atleta Palmeiras

Família é isso, o mais importante é o apoio. Se não houver torna-se muito difícil seguir a carreira porque o começo é muito difícil, principalmente na parte financeira, tem que ter o apoio pra arrancar no futebol.

Minha mensagem para ti, Ottilia, é que você continue sendo essa menina moça maravilhosa! Gostaria de dizer também que você é uma filha exemplar e tenho muito orgulho de você! Sou sua fã incondicional, te amo muito! Lembre-se que sempre poderá contar comigo pra tudo! Obrigada por ser minha, por me fazer mãe. Mais uma vez, TE AMO!

Para as demais mamães, eu digo: amem seus filhos, conversem muito! Por mais que eles venham a escolher uma profissão que não era do seu agrado, apoiem, incentivem , é maravilhoso ser feliz com os filhos! Mais maravilhoso é ver a felicidade deles , perceber o seu apoio sabendo que eles podem contar com você pra tudo!

UM FELIZ DIA DAS MÃES PARA TODAS AS MAMÃES!”

(Dona Solange – Mãe da Jogadora Ottilia)

A Equipe do Turbilhão Feminino no Futebol também deseja um feliz dia das mães, certos do papel decisivo dessas guerreiras no crescimento do nosso esporte!

Colaboração: André Chagas/ Fernanda Barros – @turbilhaofeminino

parceiro oficial

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui