Carlos Rabello acredita na classificação da Juazeirense, mas prega cautela: “Estamos entre o céu e o inferno”

Técnico Carlos Rabello

@resenhanarede

Após chegar ao Cancão de Fogo, que não vencia havia 5 rodadas, Carlos Rabello comandou seu primeiro jogo, na última quarta-feira (20), contra o Fluminense de Feira e fez a equipe vencer a primeira no Campeonato Baiano. O comandante do Cancão falou com o Resenha na Rede sobre o planejamento do clube para o restante da competição.

Foram 10 dias de treinamentos desde a sua chegada para que Rabello preparasse a Juazeirense e conquistasse o primeiro triunfo no Baianão. O técnico falou do alívio que é sair da última posição na tabela e projetou voos maiores para a equipe de Juazeiro.

“A preocupação nossa era sair da zona de desconforto, da zona de rebaixamento. A partir de agora, com a vitória, fomos para 5 pontos e nos abriu a possibilidade de brigar pela classificação”, projetou o comandante do Cancão.

(Imagem / Divulgação: ADJ)

Apesar de mirar a classificação a partir de agora, Rabello também prega precaução e bastante cautela. Para ele, sua equipe está entre o céu e o inferno na competição.

“Nós estamos fora da briga pelo rebaixamento, sim. Estamos 1 ponto acima do último colocado que tem 4. Estamos entre o céu e o inferno. Nós temos chance de classificar, mas também ainda temos chance de brigar pelo rebaixamento. Os jogos que nos restam, os 4 jogos, temos que brigar para vencer e a partir daí buscar nossos objetivos”, finalizou.

A Juazeirense volta a campo neste domingo (24), às 17h, contra o Vitória, no Adauto Moraes. A partida é válida pela 6ª rodada do Baianão.

Saiba o que rolou na partida contra o Fluminense de Feira na última quarta-feira.

Juazeirense vence a primeira e deixa a lanterna do Baianão

Eduardo Dias
Sobre Eduardo Dias 319 Artigos
Editor, colunista e repórter. Acompanha as equipes de futebol do interior da Bahia.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*