Balotelli: O homem gol da Juazeirense

Foto: Agência CH

@resenhanarede

Revelado nas categorias de base do Tricolor de Aço, mas sem muitas oportunidades, Gustavo Santos Costa, o jovem Gustavo Balotelli, de 22 anos, foi atuar e encantar os torcedores da Juazeirense em Juazeiro, a 505,4 km de Salvador. Com estilo anos 90, de camisa para dentro do calção, muita raça e força de vontade, o jovem atacante vem se destacando na equipe do Vale do São Francisco. Para ser um “homão da por**” completo, só faltou a ele a chuteira preta tradicional para moralizar ainda mais.

Apesar de ter pouca idade, Balotelli tem experiência no futebol internacional. Quando ainda era jogador do Bahia, foi emprestado por duas oportunidades ao Roasso Kumamoto, do Japão, e Ho Chi Minh City do Vietinã, mas foi após a sua saída do Tricolor que o jogador mostrou seu bom futebol. Em janeiro deste ano o jogador foi contratado pelo Cancão de Fogo para ser opção no ataque do time treinado ainda pelo conhecedor da base do Bahia, Aroldo Moreira. 

Foto: Comunicação/Juazeirense

O bom desempenho de Balotelli foi visível após a chegada do técnico Carlos Rabello, que o ajudou bastante taticamente. Com mais oportunidades, ele não deixou a desejar. Já são 4 gols com a camisa da Juazeirense, três deles pelo Baianão e um pela Copa do Brasil (Ainda comandado por Aroldo Moreira), partida essa considerada a mais bem jogada do ano pelo Cancão, contra o Vasco. Balotelli deixou o dele e infernizou a defesa cruzmaltina.

Foto: Comunicação/Juazeirense

Contra o Vitória, a mesma situação. Muita raça e mais um gol marcado pelo atacante. Não estranhem se, ao fim desta edição, ele não esteja figurando entre os destaques do Campeonato Baiano. Seu feito mais recente, na partida contra o Jacobina, novamente balançou as redes. Desta vez, anotou dois tentos na mesma partida, que ajudaram o Cancão de Fogo a se recuperar no Baianão e encostar na zona de classificação.

Na artilharia do Baianão, Balotelli ainda está muito atrás dos demais concorrentes ao posto, com apenas 3 gols, mas, com a Juazeirense com 9 pontos, a apenas 1 do G4 e beirando a classificação, não duvidem de que ele briga pela artilharia desta edição.

Eduardo Dias
Sobre Eduardo Dias 295 Artigos
Colunista e repórter. Acompanha os times de futebol do interior da Bahia.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*