Com time misto, Bahia vence o Jacobina sem dificuldade e se aproxima dos líderes

Após um fraco primeiro tempo na Fonte Nova, Tricolor volta para a segunda etapa com fome de gol, conta com boa pontaria de Shaylon, mete 3 a 0 e se reabilita no Baianão

Douglas Augusto fez uma boa partida (Foto: Felipe Oliveira / EC Bahia)

Eram quatro jogos sem vencer. Desde o jogo contra o Santa Cruz, pela Copa do Nordeste, que o Bahia não sabia o que era um triunfo. Dois empates e duas derrotas depois e o time de Enderson Moreira reencontrou o caminho dos três pontos. Venceu o Jacobina por 3 a 0 e respirou no campeonato baiano. Agora, o Bahia tem uma sequência de seis jogos longe da Fonte Nova. Só volta para casa no dia 10 de Março: em um Ba-Vi pelo Campeonato Baiano.

O Bahia entrou em campo com algumas novidades para enfrentar o time do Jacobina pela quinta rodada do Campeonato Baiano. Pressionado por vencer em apenas uma das quatro rodadas que disputou, Enderson Moreira promoveu as estreias de Xandão e Nilton em 2019. Fernandão, com um problema na coxa, não jogou e deu lugar a Caique no comando de ataque.

Como tem sido de praxe, no primeiro tempo o jogo foi bem ruim. As melhores oportunidades dos primeiro 45 minutos vieram primeiro com Caique que aproveitou cruzamento da direita e parou no goleiro Douglas Palagi.

A outra chance de gol também veio com Caíque. Shaylon cobrou escanteio da direita e o centroavante fez a cabeçada, que foi vagarosamente até a trave do Jacobina. O lance aconteceu aos 36 minutos do primeiro tempo e depois disso nada mais aconteceu. Fim de primeiro tempo e 0x0 na Fonte Nova.

O jovem atacante Caíque saiu da partida contundido (Felipe Oliveira)

SEGUNDO TEMPO
Após o time sair vaiado no final da primeira etapa, o técnico Enderson Moreira foi obrigado a mexer. Logo na volta do intervalo o treinador promoveu a entrada de Artur no lugar de Rogério. E a substituição surtiu efeito. Logo no primeiro lance, o camisa 98 cobrou falta na cabeça de Ernando, que abriu o placar. Bahia 1×0 Jacobina.

O outro lance do Bahia novamente acabou em gol. E mais uma vez Artur foi decisivo. Ele recebeu na direita e tocou para Nilton. O capitão do dia tinha até espaço para chutar no gol, mas decidiu passar a bola para Shaylon e o camisa 27 não desperdiçou. Bahia 2×0 Jacobina.

O jogo esfriou, mas o Bahia foi melhorando aos poucos. Gilberto e Gregore entraram nos lugares de Douglas Augusto e de Caíque, que sentiu lesão. E a dinâmica do Bahia em campo mudou. Fez o terceiro gol novamente com Shaylon, que colocou a bola no ângulo esquerdo de Douglas e quase amplia com Gilberto, que desperdiçou boa jogada de Élber pela esquerda e chutou pra fora. O centroavante estava na marca do pênalti.

E o jogo acabou assim. Bahia 3×0 Jacobina. O Tricolor subiu para oito pontos e segue na terceira colocação do campeonato baiano. Quatro times se classificam para as semifinais.

A sequência do Bahia fora de casa terá confrontos contra Rio Branco (Copa do Brasil), Conquista e Jacuipense (Baiano), Liverpool (Sul-Americana), Fortaleza e Altos (Copa do Nordeste).

 

FICHA TÉCNICA
Bahia 3 x 0 Jacobina
Campeonato Baiano – 5ª rodada

Local: Arena Fonte Nova, em Salvador
Data: 10/02/2019 (domingo)
Horário: 16h (horário de Salvador)
Árbitro: Diego Pombo Lopez. Assistentes: Alessandro Matos e Daniella Coutinho Pinto.
Cartões amarelos: Nilton (Bahia) / Flávio e  Kaefer (Jacobina).
Gols: Ernando e Shaylon (duas vezes) (Bahia).
Bahia: Douglas, Flávio, Xandão, Ernando e Paulinho; Nilton e Douglas Augusto (Gregore); Élber, Shaylon e Rogério (Artur); Caíque (Gilberto). Técnico: Enderson Moreira.
Jacobina: João Paulo; Adriano (Flávio), Anderson, Helbert e Ninho (Menso); Kaefer, Tiago Carnaíba, Isaak (Iago) e Guga; Matheus Souza e Jeam. Técnico: Paulo Sales.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*