Adriana “Pitbull” Araújo garante seu primeiro título no boxe profissional

Foto: Divulgação.

@Resenhanarede

A pugilista Adriana Araújo, 37 anos,  garantiu o título latino do Conselho Mundial de Boxe (CMB), domingo (11), na Arena de Lutas, em São Paulo. A baiana enfrentou a argentina Yamila Abellaneda no combate principal do Boxing For You 6.

O primeiro round foi de pouca movimentação da brasileiro, procurando estudar o jogo da adversária. Todas as vezes que a argentina soltava um golpe, Adriana respondia com gancho na linha de cintura. Já no segundo round, a Pitbull buscou conectar mais os golpes, a esquiva tava em dia e os golpes de Abellaneda acabaram passando no vazio.

No terceiro round Adriana Araújo foi chamada atenção por duas vezes, por ter efetuados golpes na nuca da adversária. Na sequência a baiana buscou imprimir o ritmo da luta e conseguiu ter uma superioridade, atingindo a argentina com mais força. Yamila Abellaneda cresceu na quinta etapa e passou a conectar bons golpes em Adriana Araújo, conseguindo aplicar um bom direto. No sexto round, Abellaneda continuou crescendo no ringue, buscando encurralar Adriana nas cordas.

Adriana Pitbull acionou “modo pendulo” na sétima etapa e conseguiu conectar dois bons golpes na linha de cintura. O oitavo round foi de trocação franca e animou a plateia presente. O penúltimo assalto foi de administração da brasileira, que chegou a ser atingida sem muita contundência.

O décimo e o último round foi com a brasileira buscando nocautear a adversária. Contudo, a decisão ficou para a arbitragem. Por decisão unânime (99-91), Adriana Araújo garantiu o título latino.

A tendência agora é que Adriana entre no ranking feminino mundial de boxe.

Robenilson de Jesus

Quem também venceu foi Robenilson de Jesus, por decisão unânime dos árbitros (80 a 71). O baiano venceu o chileno Robinson Laviñanza, após oito rounds.

Colaborador: Osvaldo Barreto

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*